Home Turismo


OURO PRETO - INFORMAÇÕES:


- POPULAÇÃO: Aproximadamente 66.259 hab.
- ALTITUDE MÉDIA:
1116 m
- ALTITUDE PICO DO ITACOLOMI:
1772 m
- TEMPERATURA:
Entre 16ºC e 21ºC, nos meses de junho e julho a temperatura pode chegar a 2ºC
- ÁREA:
1274 Km2
- PRINCIPAIS RECURSOS ECONÔMICOS:
Minerais (Topázio Imperial, minério de ferro e bauxita), comércio, artesanato, gemas, pedra sabão e outros.

O que visitar na cidade: Monumentos civis

- CASA DOS CONTOS:
Serviu para diversos fins, inclusive de cárcere para os inconfidentes. Hoje, abriga o Centro de Estudos do Ciclo do Ouro, o Museu da Moeda e do Fisco e a Agência da Receita Federal. Possui um mirante com vista panorâmica da cidade. Localizada à Rua São José. Terça-feira a sábado de 12h às 17h, domingos e feriados de 09h às 15h.

- CASA THOMÁS ANTÔNIO GONZAGA: Sede da Ouvidoria de Vila Rica, foi residência de Thomás Antônio Gonzaga, poeta árcade e inconfidente, que exerceu o cargo de Ouvidor Geral entre os anos de 1782 e 1788. Localizada à Rua Cláudio Manoel, 61. Segunda a sexta-feira de 09h às 17h.

- ESCOLA DE MINAS: Foi instalada no antigo Palácio dos Governadores, construído no governo Gomes Freire de Andrade, entre 1741 e 1748, para sede e moradia dos governadores da capitania de Minas, sendo utilizado posteriormente por presidentes mineiros no Império e República. Em 1897, com a transferência da capital para Belo Horizonte, o imóvel foi ocupado pela Escola de Minas.

- PONTES: Os riachos que cortam Ouro Preto, engrossados pelas águas de chuva que escorrem das montanhas, foram responsáveis pelo surgimento de várias pontes, construídas para atender ao crescimento da Vila, destacam-se as pontes do
Conto (1744), Padre Faria (1750), Rosário (1753), Suspiro ou Marília (1755), Pilar (1757), Barra (1806), Palácio Velho, Funil e Ponte Seca.

- PRAÇA DOS 300 ANOS: Inaugurada em 1998. Homenagem aos 300 anos da chegada da bandeira de Antônio Dias de Oliveira ao morro São João. 300 anos da fundação do primeiro arraial.

- COLUNA SALDANHA MARINHO: Em 1867, foi inaugurada na Praça da Independência, hoje Tiradentes, coluna de pedra em homenagem aos inconfidentes, que passou a ser conhecida pelo nome do presidente da Província. Encontra-se atualmente na Praça Amadeu Barbosa.

- MONUMENTO A TIRADENTES: Praça Tiradentes. Proposto pela Constituinte de 1891. Foi inaugurado em 1894.

- CASA DOS INCONFIDENTES: Segundo a tradição, nela se reuniam os Inconfidentes. Situada no morro do Cruzeiro.

- TEATRO MUNICIPAL: Antiga Casa da Ópera. Construído em 1769. É o mais antigo teatro em funcionamento da América Latina. Localizado à Rua Brigadeiro Musqueira, s/n. Aberto todos os dias de 12h às 17h.

- ORATÓRIOS: Eram quase sempre construídos em esquinas de sobrados para espantar os maus espíritos. Na cidade ainda restam o de N. S. do Bom Pastor, à rua Bernardo Vasconcelos e de Santa Cruz, à rua Barão do Ouro Branco.

MINAS:

- MINA DO CHICO REI (OU DA ENCARDIDEIRA): Considerada a maior mina de Ouro Preto. Pertenceu, segundo a tradição, a Chico Rei e nela trabalhavam seus súditos. Situada à Rua Dom Silvério, bairro Antônio Dias. Funciona diariamente de 08h às 17h.

- MINA DO BEM-QUERER: Rua Padre Faria. Diariamente de 8:30h às 18h.

- MINA VELHA: Rua Santa Rita. Diariamente de 08h às 17h.



MONUMENTOS RELIGIOSOS:



- CAPELA BOM JESUS DO TAQUARAL, CAPELA DE SANTANA, CAPELA N.S. DA PIEDADE, CAPELA N.S. DO BOMFIM, CAPELA SÃO JOÃO BATISTA OU DO OURO FINO: Sem horário fixo de visitação.

- IGREJA NOSSA SENHORA DAS MERCÊS E PERDÕES (Mercês de Baixo): Terça-feira a domingo de 9h às 12h e de 13h às 16h.

- IGREJA NOSSA SENHORA DOS PARDOS DE PADRE FARIA: Terça-feira a domingo de 8:30h às 12h e de 13:30h às 16:30h.

- IGREJA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO DE ANTÔNIO DIAS (MATRIZ): Terça-feira a sábado de 8:30h às 12h e de 13:30h às 17h. Domingo de 12h às 17h.

- IGREJA NOSSA SENHORA DAS DORES, IGREJA NOSSA SENHORA DAS MERCÊS E MISERICÓRDIAS (Mercês de Cima), IGREJA SÃO JOSÉ: Sem horário fixo de visitação.

- IGREJA NOSSA SENHORA DO CARMO: Terça-feira a domingo de 12h às 16:45h.

- IGREJA NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO: Terça-feira a domingo de 12h às 16:45h.

- IGREJA NOSSA SENHORA DO PILAR (MATRIZ): Terça-feira a domingo de 9h às 10:45h e de 12h às 16:45h.

- IGREJA NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DOS PRETOS E SANTA EFIGÊNIA: Segunda-feira a sábado de 8h às 12h e de 14h às 16:30h.

- IGREJA SÃO FRANCISCO DE ASSIS: Terça-feira a domingo de 8:30h às 12h e de 13:30h às 17h.

- IGREJA SÃO FRANCISCO DE PAULA: Terça-feira a domingo de 9h às 11:15h e de 13:30h às 16:45h.

- IGREJA SENHOR BOM JESUS DE MATOZINHOS (SÃO MIGUEL E ALMAS): Terça-feira a domingo de 12h às 16:45h.



MUSEUS:

- MUSEU ALEIJADINHO: Inaugurado em 1968. Coletânea de documentos, históricos e imagens. Situado à Praça Antônio Dias, na Igreja N.S. da Conceição. Terça-feira a sábado de 8:30h às 12h e de 13:30h às 17h. Domingo de 12h às 17h.

- MUSEU DA INCONFIDÊNCIA: Antiga Casa da Câmara e Cadeia. Foi inaugurado em 1944. Situado à Praça Tiradentes. Terça-feira a domingo de 11h às 16:30h.

- MUSEU DE ARTE SACRA DE OURO PRETO: Expõe peças do século XVIII: objetos de arte sacra, paramentos, pratarias e mobiliário. Destaque para o grande oratório atribuído a Aleijadinho (1763); e a Santa Ceia (escultura em tamanho natural). Terça-feira a domingo de 9h às 10:45h e de 12h às 16:45h.

- MUSEU DAS REDUÇÕES: Localizado no Distrito de Amarantina, à margem da Rodovia dos Inconfidentes, Km 65. Réplicas dos monumentos mais importantes do Brasil, técnica alemã. Quarta-feira a segunda-feira de 9h às 17:30.

- MUSEU DO ORATÓRIO: Trata-se de amostragem da fé brasileira e mineira inserida no cotidiano dos séculos XVIII e XIX, numa tentativa de amoldar a beleza estética aos usos e costumes da época da formação de uma sociedade tipicamente religiosa. Localizado na Casa Capitular da Ordem Terceira do Carmo - Igreja do Carmo. Diariamente de 12h às 17h.

- MUSEU DE CIÊNCIA E TÉCNICA: Foi criado a 12 de outubro de 1995. Localizado na Praça Tiradentes. É dividido em 12 setores temáticos. Horários de visitação: Setores de Mineralogia, História Natural e Metalurgia: de terça-feira a domingo de 13h às 17h. Os setores de Desenho, Topografia e Astronomia: de quinta-feira a sábado de 20h às 23h.

- MUSEU CASA GUIGNARD: Inaugurado em 1987, com obras, fotografias e objetos pessoais do pintor Alberto da Veiga Guignard. Localizado à Rua Direita, 110. Terça-feira a sexta-feira de 12h às 18h. Sábados, domingos e feriados de 9h às 15h.



ATRATIVOS NATURAIS:



- GRUTA DA LAPA: (Distrito de Antônio Pereira) - Gruta em rocha calcária. Possui seis ou mais salões, ligados entre si por frestas ou corredores, perfazendo uma extensão de mais ou menos 72m.

- CACHOEIRA DAS ANDORINHAS: Localizada no Parque Municipal da Cochoeira das Andorinhas. Nascente do Rio das Velhas.

- CACHOEIRA DE TRÊS MOINHOS: Localizada na região do povoado da Chapada.

- CACHOEIRA DO FALCÃO: É um dos atrativos mais procurados da região da Chapada. Sua altura é de aproximadamente 10 m e largura de 2,5 m.

- CASTELINHO (Chapada): Um dos mais belos espetáculos da natureza local. Trata-se de um conjunto de rochas sobrepostas de tal maneira que se tem a impressão de estar de frente para um castelo.

- CACHOEIRA DOS TRÊS PINGOS: Localizada no povoado de Lavras Novas.

- ESTAÇÃO ECOLÓGICA DO TRIPUÍ: Criada em 1978, tem como objetivo preservar o "Peripatus Accacioi" em seu habitat natural, pela sua riqueza natural, geológica e botânica o parque se apresenta como rica fonte de estudos e pesquisas.

- ESTRADA REAL: Antiga estrada que ligava Minas ao Rio de Janeiro, da qual ainda há vestígio de pontes, cascatas e vegetação preservada.

- LAVRAS NOVAS: Está localizada a 13 Km de Ouro Preto. Situada em um platô formado por rochas quartizíticas, próximo a pequenas cachoeiras, grutas, lapas e minas. Esconde em si o minério de um quilombo. Guarda diversas lendas e seu folclore é rico. A Igreja N.S. dos Prazeres é um importante monumento do século XVIII.

- PARQUE DO ITACOLOMI: Está situado na serra de mesmo nome, entre os municípios de Ouro Preto e Mariana. Tem aproximadamente 7543 hectares de montanhas e vales, protegendo o rico patrimônio natural, histórico e cultural.

- PICO ITACOLOMI: Localizado no Parque Estadual do Itacolomi, servia de referência aos viajantes e aventureiros que buscavam ouro e pedras preciosas
na região nos séculos XVII e XVIII.


CHAFARIZES:

Os Chafarizes serviam para prover a cidade de água potável. Os que restam na cidade são:



- CHAFARIZ BICA DAS LAJES
- CHAFARIZ DA BARRA
- CHAFARIZ DA CASA DE GONZAGA
- CHAFARIZ DA COLUNA
- CHAFARIZ DA MATRIZ DE ANTÔNIO DIAS
- CHAFARIZ DA PRAÇA TIRADENTES
- CHAFARIZ DA RUA BARÃO OURO BRANCO
- CHAFARIZ DA RUA DA GLÓRIA
- CHAFARIZ DA RUA DAS LAJES
- CHAFARIZ DAS ÁGUAS FÉRREAS
- CHAFARIZ DE DOM RODRIGO - Distrito de São Bartolomeu
- CHAFARIZ DE MARÍLIA
- CHAFARIZ DO ALTO DA CRUZ
- CHAFARIZ DO ALTO DAS CABEÇAS
- CHAFARIZ DO LARGO DE COIMBRA
- CHAFARIZ DO LARGO VICENTE BOTELHO
- CHAFARIZ DO PASSO - Rua do Ouvidor
- CHAFARIZ DO PILAR
- CHAFARIZ DO ROSÁRIO
- CHAFARIZ DOS CAVALOS - Rua das Flores
- CHAFARIZ DOS CONTOS
- CHAFARIZ DA RUA XAVIER DA VEIGA
    

 
Enquete
Como você localizou a Pousada?
 
Visitante
Hoje35
Ontem86
Semanal716
Mensal2001
Total103844